“A praia que canta” – Zadar, Croácia.

instalação zadar croacia orgao do mar
Sobre lugares mágicos humanamente criados: A praia de Zadar, na Croácia foi transformada pelo arquiteto Nicola Basic, que, com a ajuda de um músico e de um engenheiro hidráulico, projetaram o Sea Organ, em 2005: Um órgão gigante nas escadarias da praia, tocado pela força do vento sobre as águas.
Durante a noite, a energia solar e a captada pelo “órgão do mar”, produzem um espetáculo de luzes e cores na instalação conhecida como “saudação ao sol”.

Lindeza do dia (pra matar a saudade <3): Lago Nong Harn

long harn
Depois de mais de um ano sem atualizações, tô de volta pra compartilhar amor ❤
E para comemorar, bora de paisagens de sonhos:

Esse lugar lindo das imagens é o lago Nong Harn, que é uma das maiores atrações turísticas da Tailândia. Durante os meses de março a outubro, os 123 metros quadrados do lago se transformam em um jardim flutuante de lírios d’água. Lindo!

85d22de900017f3dd44eb9980ebec49d140524120215-10-weird-lakes-horizontal-large-galleryRed-Lotus-Sea-500x413

Experiências em NZ ♥

Finalmente, depois de uma temporada de quase dois meses na Nova Zelândia, estou de volta! E para resumir um pouquinho da viagem, divido aqui algumas das melhores experiências que vivi por lá. (E  já foi dado início à sessão nostalgia):

1 –   Admirar as paisagens cinematográficas da Ilha Sul numa roadtrip:

ilha sulRelatei um pouquinho da experiência nesse post.

2 – Ver focas passeando livremente nas ruas de Kaikoura

foca em kaikouraPergunto: Em quantos lugares do mundo pode-se viver uma experiência similar? Sinceramente, nunca achei que algo assim seria possível, e se existe algo que me deixou extremamente feliz em relação a este país foi poder ver de perto o respeito mútuo que existe por lá entre pessoas e animais.

3 – Ver de pertinho o menor e mais raro golfinho do mundo:

hectors dolphin akaroaEm Akaroa é possível viver a experiência única de mergulhar com os golfinhos de Hector, que existem apenas nessa região do planeta. Posso confessar? Ver golfinhos assim de pertinho era um sonho antigo meu, imagina então ter a oportunidade única de realizá-lo passando uma tarde bem linda na presença dos golfinhos mais raros do mundo? Ai! ♥

4 – Assistir o pôr-do-sol do alto de uma montanha:
christchurch gondolaSó tenho a agradecer à NZ por me possibilitar vivenciar esse momento diveeeersas vezes e nas paisagens mais lindas que eu já sonhei em ver na vida. Na foto: o pôr-do-sol do alto da montanha da gondola de Christchurch.

5 – Sentar e fazer nada em um cenário como este:

queenstownA foto é repetida, mas não me canso de admirar ♥

6 – Visitar o International Antarctic Centre e ver mini pinguins:
antarctic centreMini golfinhos, mini pinguins… tudo isso e muito mais você confere na Fofo-zelândia ♥

7 – Me despedir do outono e presenciar a chegada do inverno:
outono-invernoPor mais simples que isso seja ou possa parecer.

Bem, é isso! A intenção é, daqui pra frente, dar continuidade ao ritmo normal de postagens, além de, é claro, compartilhar mais um pouquinho da experiência de conhecer uma nova cultura e um país tão, tão, tão lindo ♥. Maaaas, para não ficar monotemática, vou dar uma alternada com os conteúdos “normais’ do blog. 😉

Diário de Viagem: Queenstown, NZ.

queenstown trip

Instagram @an_i_nha

No último post eu falei da minha vinda para a Nova Zelândia, além de contar (e mostrar) um pouco sobre como foi fazer uma roadtrip nesse cenário cinematográfico que é a South Island. Só faltou uma coisinha no post: mostrar o nosso destino final! Então, hoje venho mostrar alguns registros que fiz da cidade que me fez pensar estar dentro de um filme do Wes Anderson, estou falando de Queenstown. Vem ver.

DSCN1172k skyline - queenstown queenstown gondola DSCN1211f queenstown DSCN1203g DSCN1194hy queenstown gardens DSCN1284gh
E mais alguns registros do instagram:

90acbbdcb0c711e2a2f822000a1f97e4_7 934142_10151675882943092_1186742590_n 262343_10151646866888092_1527171418_n a19bd0c2b0c711e29a8f22000a9f195b_7 9bd3c8b8adf011e2ba9922000a1f9c9a_7 adc3e2dcb20611e2a59b22000a9f3c66_7 b722e6e2aef611e2adbf22000aaa04d4_7

Diário de viagem: Nova Zelândia

Vinte e um de abril de 2013 foi uma data para ficar na memória. O motivo? Depois de meses aguardando, imaginando e sonhando, eu finalmente estava de partida para a Nova Zelândia, país de residência do meu irmão mais velho. E havia ainda mais: no meio do (longo) trajeto eu teria a oportunidade de conhecer uma amiga queridíssima de “blogosfera”: a Jê, Jejoca, Jeane (♥♥♥) do Viés Feminino, que se dispôs a ir ao Aeroporto Internacional de Guarulhos no horário de almoço só pra me encontrar (sua linda! ♥).

Encontro de blogueiras <3

Encontro de blogueiras

Não era a primeira vez que eu saíria de terras brasileiras, mas o nervosismo era o mesmo de sempre. Só posso dizer que, no fim das contas, tudo correu além das expectativas. A viagem super cansativa com duração de quase 20 horas acabou se transformando em dois dias de viagem com direito a uma noite para descansar num hotel gracinha em Santiago, Chile: o Crowne Plaza, e depois foi seguir viagem para finalmente chegar na terra dos Kiwis.

travel sao paulo to santiago

São Paulo – Santiago. Instagram: @an_i_nha

Meu primeiro passeio em terras neozelandesas foi numa roadtrip pela ilha sul a caminho de Queenstown, conhecida como a capital mundial dos esportes radicais. Discutir a beleza do lugar eu deixo a critério de vocês. Só posso dizer que foi inevitável chegar lá e não pensar em Moonrise Kingdom, do Wes Anderson (Já viram?). O próprio trajeto até o local já é digno de filme: árvores, montanhas de gelo, fazendas com muuuuitas ovelhinhas (awn!) e lagos de águas super azuis. Soma-se a tudo isso a trilha sonora perfeita e está pronto: já temos uma viagem digna de sonho!

roadtrip to queenstownthe hype collective roadtrip - nzroadtrip new zealand ovelhinhas nova zelandiamountains & moon, new zealand

E antes de chegarmos ao nosso destino, uma parada para admirar e registrar o Lake Tekapo.
tekaponew zealand

Oi!

image

Pessoas queridas que acompanham o thc, esse post é só pra atualizá-los. (Nem pretendia fazer esse tanto de suspense,  foi a falta de tempo que me impediu). Estou na Nova Zelândia (yaay!), acessando a Internet do celular, e devo admitir que não tenho muuuito saco para escrever por aqui.  😦 A boa nova é que esse probleminha tem tudo para ser resolvido em breve,  e, finalmente,  vou poder dividir tudo o que quero por aqui.
Por enquanto é só… Beijo,  beijo, beijo.

A Terra vista de cima

Uma das coisas mais gostosas de viajar é ter a possibilidade de ampliar horizontes, é ver o quanto tudo o que nos cerca é apenas um pontinho minúsculo ali em algum canto do globo, e o quanto ainda nos resta para ver, viver, experimentar e aprender ♥.

É nesse clima de fazer as malas e me mandar por aí que deixo vocês com essas imagens retiradas dos grupos From the airplane window e Window seat, please no Flickr. Beijos e até logo!

view-of-caribbean-from-airplane-window-aerial-barbados over the ridges 6640137001_902724d26f_b 5838830330_b4249dfd62_btravel 7410370546_056759f4d9_c greenland-aerial-from-an-airplane-window 7413771802_5ab215d1ff_c new-york-city-aerial-from-airplane-window 7989803932_eeabb7292c_c 5800421371_db4dea8fa5_b

Via Twisted Sifter